quinta-feira, abril 24, 2003

Os riscos de ficar olhando só para a conjuntura econômica

Clique aqui.

quarta-feira, abril 23, 2003

Há dois motivos para testar o "óbvio"

O primeiro é que ele não é tão óbvio e o segundo, claro, é que eu não percebi que ele é óbvio (ou, claro, um terceiro seria o de que eu sei que é óbvio, mas quero ganhar dinheiro com isso...).

Lendo o título deste artigo fiquei sinceramente na dúvida entre qual dos motivos é o principal...

Authorizing Questions: Does IT Really Make Us Productive? Apr. 22, 2003 - It's taken for granted, just like Moore's Law: Technology makes people more productive. But researchers are going to test that notion. (By Larry Greenemeier)

Sure, information technology has become increasingly pervasive over the past few decades, but has it really made workers more productive? That's the quintessential question that MIT's new Information Work Productivity Center will pursue over the next few years.
O paradoxo do saque

De forma pouco usual, o animal spirit dos saqueadores de Bagdá ajudou a revelar mais um dos horrores de Saddam. Confira no ArabNews:

The torture device was brought to Time’s attention by a group of looters who had been stripping the compound of anything of value. They had left behind the iron maiden, believing it to be worthless.

US troops found scores of pages on torture printed from websites when they inspected Uday’s wrecked sports center inside the presidential compound. Uday is the Ace of Hearts, No. 3 on the US military’s “most wanted” deck of cards.

A new Iraqi human rights group said in Baghdad that tens of thousands of highly classified documents recording executions, arrests and interrogations under Saddam’s regime have been recovered.


Ironicamnte, diria Adam Smith que o interesse do pessoal dos Direitos Humanos pode, também, ser satisfeito por motivações egoístas de terceiros...

terça-feira, abril 22, 2003

Religião versus Escassez



Éé....
Que felicidade!

Eu sei que esse não é o lugar para isso, mas a causa vale. Muito obrigado ao pessoal do Instituto Liberal do RS. Eles doaram 37 livros para a biblioteca da UFPel !!!!!!!!!! O melhor do pensamento lilberal !!!!
Valeu novamente!!!!! Alunos e professores, o negócio agora é ler, ok?

segunda-feira, abril 21, 2003

Mais Islã

Agora sim, Timur Kuran é um dos meus economistas favoritos. Se você encontrar a página dele na Internet, vai se divertir. Este texto é pequeno e eu não o conhecia. Mas acho que vale a leitura.

Timur Kuran | The Cultural Undertow of Muslim Economic Rage
Many of the arguments heard since September 11 have invoked the economic underdevelopment of the Islamic world to explain why so many Muslims appear angry at the West and particularly at the United States. Economic globalization has benefited the West and harmed vast segments of the Islamic world, it is said. Some add that Islam has exacerbated the conflict by transforming economic grievances into mistrust of Westernization, even into antagonism to modernity. This hostility is consistent, we are told, with the emergence of an Islamic banking system and with al Qaeda's use of hawala, an old Middle Eastern credit delegation instrument, to finance its deadly operations.
Alvaro Vargas Llosa (sim, o filho do Mario...que Mario?)

...aquele que perdeu as eleições para o Fujimori e que é um escritor famoso. E aqui, um bom artigo (ele escreve bem) sobre o mundo árabe. Tem algo a ver com Economia? Bem, acho que não. Mas você não vai me dizer que só vem aqui ler para saber das últimas sobre a nossa ciência, né?

The Independent Institute | Op-ed | Surgical Ordnance, by Alvaro Vargas Llosa
The history Europeans and Americans are taught ignores the eight centuries of Muslim civilization before the Ottoman Empire was born. Only Europe’s Dark Ages are mentioned, as if history had stopped at the end of the Roman Empire and restarted with the birth of the nation-state and the cultural Renaissance. But history did not stop. The Arab and Muslim world, largely under the very principles of freedom the Pentagon is seeking to export surgically to Iraq, experienced . . . shock and awe. The Renaissance and the "discovery" of America—and therefore Pentagon surgeons—are the children of the Muslim civilization.

It is actually misleading to speak of a “Muslim” or “Arab” civilization. Although both were major components, the principal characteristic of that civilization spanning across three continents was diversity—all races, cultures and faiths coexisted peacefully. A better term is “Saracen,” the old one used by Europeans.
Mais sobre o foguete privado

Confira aqui.

domingo, abril 20, 2003

A escassez, a tecnologia e as árvores que caminham no deserto de Saddam

"Por que estes uniformes tão coloridos?"

Se você se perguntou isso durante a guerra, então você deveria ler este artigo aqui. Embora não seja diretamente relacionado com Economia (eu não disse que não tem relação...), é bem interessante.
Excelente análise da pilhagem no Iraque

Claro, o bom e velho Steven Landsburg. Dê uma lida. Cheque também este outro dele.
Mais uma do Yahoo...

Sai Maquiavel, entra Adam Smith.

Economia Monetária, na prática (ou "MV=Py, a aventura continua)



Direto do Yahoo, com a seguinte legenda: Money exchangers in Basra. The dinar-dollar exchange rate has settled to around the 3,000 mark in recent days after reaching a height of around 5,000 ten days ago but dealers say they are uncertain about the long-term prospects of the dinar.(AFP/Tim Sloan)
Foguetes privados, benefícios públicos

Olha que bacana!

Há algum tempo eu andei curioso sobre este tipo de iniciativa. Lembro-me de duas discussões. Uma, sobre direitos de propriedade no espaço e outra sobre um cara que estava tentando fazer um foguete privado. Com tantos acidentes no programa espacial americano, até que esta não é uma má idéia...